Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



O comandante lascivo

por João Sousa, em 18.12.11

A história pode ser contada em poucas palavras. O comandante da Polícia Municipal de Coimbra, Euclides Santos, enviou por correio electrónico uma mensagem natalícia aos funcionários da Câmara - mas essa mensagem tinha a forma de um powerpoint manhoso que combinava votos de boas festas com imagens de senhoras exibindo o trabalho dos seus cirurgiões plásticos. Minutos depois, deu-se conta do sucedido e enviou desculpas - mas o Presidente da Câmara achou por bem suspendê-lo e instaurar um processo disciplinar.

 

Raras vezes tenho encontrado tão vasto consenso nacional. Da Esquerda à Direita, reina a solidariedade para com o comandante. A Esquerda saliva por poder chamar "puritano direitolas" ao presidente da Câmara, eleito pelo PSD. A Direita fica satisfeita por se mostrar "progressiva" e liberal: "o que o comandante faz com os amigos não deve ser matéria pública".

 

Aparentemente, sou uma das quatro pessoas no país que acha muito bem que se suspenda o sr. Comandante.

 

A mim, não me preocupa nada que o sr. Euclides Santos troque emails picantes (ou mais do que isso) com os seus amigalhaços. Na verdade, pelo contrário: deve ser sinal de se tratar de um "gajo porreiro", com quem seria divertido beber umas imperiais e comer uma caracolada. Aquilo que um detentor de cargos públicos faz na sua privacidade não me interessa para nada - desde que não seja ilegal nem vá contra posições que ele defenda publicamente.

 

O problema, aqui, é que o powerpoint manhoso não foi enviado pelo sr. Euclides Santos aos seus amigalhaços - foi enviado pelo comandante da Polícia Municipal Euclides Santos, durante o expediente, a todos os funcionários da Câmara. E isto não tem defesa.

 

É que se o comandante pensava estar na sua conta privada, é mau: acho incorrecto que usasse o horário de trabalho e equipamentos pagos pelo contribuinte para tratar da sua vidinha. Se, pelo contrário, o comandante usava conscientemente a conta de trabalho, pensava estar a enviar um outro ficheiro e enganou-se, é mau pois tal significaria que já tinha usado o computador de trabalho para os seus lazeres pessoais.

 

Mas é, acima de tudo, uma questão de dignidade institucional que é necessário defender para algumas posições. Que autoridade pode invocar um comandante que envia emails oficiais a desejar "um bom ano com sexo incrivel"?

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:05


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D




Pesquisar

Pesquisar no Blog