Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



A verdade da mentira

por João Sousa, em 19.08.15

 

Confesso nunca ter compreendido o relativo desinteresse a que é votado True Lies, mesmo entre os fiéis de Cameron e Schwarzenegger. Há um par de dias, cortesia de um conhecido que me emprestou o DVD, revi-o e reforcei a minha opinião: tecnicamente competente (como é habitual em Cameron); genuinamente divertido (como não é, de todo, habitual em Cameron); actores em grande forma (Schwarzenegger está descontraído, Bill Paxton é soberbo como um Casanova de pacotilha e até Tom Arnold faz boa figura); e está repleto de pormenores que, se não foram improvisados, foram muito bem pensados.

 

A única explicação que encontro é: os nerds. Estes são tão obcecados com a ficção científica e a tecnologia que James Cameron lhes serve copiosamente, quer na forma quer no conteúdo, que se desinteressam de um filme que não contenha robots, naves espaciais, navios CGI ou gatos azuis.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:



Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D




Pesquisar

Pesquisar no Blog